Cuiabá, 12 de julho de 2020

STJ apura prática de crimes cometidos por advogados, empresários e magistrados

Por: Ana Moura - 30 de junho de 2020

Relator do inquérito, ministro Mauro Campbell

O Superior Tribunal de Justiça (STJ) deflagrou, nesta terça-feira (30), no estado de Goiás, por meio do Departamento de Polícia Federal e a requerimento do Ministério Público Federal (MPF), uma série de diligências externas, como mandados de busca e apreensão em endereços públicos e privados.

A prática de diversos crimes teriam sido cometidos, possivelmente, por magistrados, advogados, empresários e servidores públicos em ações relacionadas a uma grande empresa em recuperação judicial.

Leia mais AQUI